Ageless Generation - Público 60+

Uma grande oportunidade para o setor de Eventos


Por Lucas Eibs


Com o aumento da expectativa de vida e com a frequente busca por um estilo de vida mais saudável, os idosos estão mudando seus hábitos de consumo. Aquela imagem relacionada ao sedentarismo não representa mais a realidade. Segundo dados do IBGE (2018), os idosos representam 13% da população brasileira e são responsáveis por 20% do consumo nacional, mas ainda enfrentam dificuldades em encontrar produtos e serviços que os satisfaçam. Atualmente, homens e mulheres acima de 60 anos trabalham, moram sozinhos, se relacionam, utilizam mídias sociais, praticam exercícios físicos e investem em educação, turismo e lazer. Definitivamente, a terceira idade mudou.


Carmen Dell Orefice/Foto Ari Seth Cohen

Essa é uma grande oportunidade para os produtores de evento desenharem projetos voltados para esse público, entendendo que suas necessidades são pontuais e que o nível de exigência costuma ser alto, tanto que a maioria desses consumidores costuma escolher produtos e serviços personalizados, geralmente caracterizados como premium. Os principais cuidados ao produzir um evento voltado ao público 60+ estão relacionados a acessibilidade, local, horário e conforto.


Chamamos de jornada do usuário de evento um conjunto de pontos de contato entre o cliente e o evento, ou seja, cada vez que determinada pessoa interage com o evento, é um ponto de contato. Precisamos listar todos esses pontos, entrevistar o público de interesse e observar como será essa interação. Se usarmos como exemplo um festival gastronômico a céu aberto, pensaremos em todos os pontos, desde a divulgação até o final do evento, passando pelos cuidados com restrição alimentar, acessibilidade, exposição solar, assentos confortáveis, etc.


Como esse idoso irá reagir a cada ponto? Como serão suas tomadas de decisão? Como posso auxiliar no aprimoramento de sua experiência? Respondendo a essas perguntas, saberemos como agir e como proporcionar melhores resultados ao público.


https://www.facebook.com/ViverPOA / Foto: Giovani Paim

Mas engana-se quem pensa que os idosos participam apenas de eventos relacionados a saúde. Diversas empresas estão desenhando projetos com foco em música, arte, dança, moda, cultura, beleza e gastronomia, voltados para a inclusão social do público acima de 60 anos. Em Porto Alegre, uma das empresas que está de olho nesse público é a Viver POA, uma agência de entretenimento para pessoas acima de 60 anos, com o objetivo de conhecer novos lugares e pessoas. Sempre com uma programação diversificada, o grupo percorre pela capital e pelo interior do estado do Rio Grande do Sul, desbravando paisagens, restaurantes, shows, apresentações e outras atividades.


Bônus: Sexy aos 79


Helena Schargel deu aula de atitude, otimismo e autoestima na edição de 2018 do TEDx, em São Paulo. Aos 79 anos, Helena é estilista e chef paulista. Trabalhou na fábrica de tecidos Berlan por mais de 40 anos e teve restaurante próprio. Recentemente criou uma linha de lingerie para mulheres de mais de 60 anos. Clique no vídeo abaixo e assista a essa brilhante participação, cheia de propósito e criatividade.



Eventos organizados de forma independente sob licença do TEDx, para promover ideias que merecem ser espalhadas


Veja outros textos publicados por Lucas Eibs.

CONTATO

(51) 3209.9879

(51) 99982.4717 / (51)  99338.6335

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White Twitter Icon
  • Branca Ícone Google+
  • YouTube - Círculo Branco