top of page

Projeto `Sinfonia Diferente RS na Estrada´ faz turnê pelo Estado

Edição de 2023 tem apresentações em Porto Alegre e Novo Hamburgo no mês de março com entrada franca

Foto: Fundo de Apoio a Cultura (FAC) do PRÓCULTURA RS.

O projeto de Musicoterapia para pessoas com Autismo, Uma Sinfonia Diferente RS, inicia em março a turnê `Sinfonia Diferente RS na Estrada´ com Financiamento do Fundo de Apoio a Cultura (FAC) do PRÓCULTURA RS. Serão shows da Banda Sinfonia Diferente, com participações de cerca crianças e jovens com autismo, além de artistas já consagrados do público. O primeiro show será no dia 14 de março, às 19h30min, no Teatro Renascença, em Porto Alegre. E o segundo no dia 16 de março, no Teatro Paschoal Carlos Magno, Novo Hamburgo. Um terceiro show está para ser confirmado. Todos com entrada franca.


Sinfonia Diferente FAC
Foto: Fundo de Apoio a Cultura (FAC) do PRÓCULTURA RS.

"Uma Sinfonia Diferente trata disto. Crianças autistas sendo quem são, embaladas por um repertório que foi desenvolvido em conjunto e com muito amor, a fim de mostrar que sim, eles podem", afirma Graziela Pires, Coordenadora Geral do Projeto e vocalista da 50 Tons de Pretas.


A turnê `Sinfonia Diferente RS na Estrada´ tem por objetivo apresentar as canções que marcaram a trajetória do projeto, que começou em 2019, no Rio Grande do Sul.

"Vocês vão ver um show. Um show diferente. Um show de afeto, de troca de olhares, de conquistas pessoais e de transcendência. Porque nossos artistas são muito mais do que um laudo, um diagnóstico ou o que um CID possa dizer. Eles são diferentes", conclui Grazi.



Foto: Fundo de Apoio a Cultura (FAC) do PRÓCULTURA RS.

A banda é formada por artistas voluntários e convidados que, anualmente, se dedicam a realizar o musical do projeto, que é uma super produção de uma grande sessão de musicoterapia aberta ao público. Segundo Grazi, no espetáculo é possível conhecer como a música e suas diversas formas de manifestação podem auxiliar no desenvolvimento e na inclusão das pessoas com Autismo. Nestes shows a Banda Sinfonia Diferente será formada por Dejeane Arruée (Direção Musical e Voz), Grazi Pires ( Direção Artística e Voz), Andreia Steinmentz (Vocais), Xandy Santos (Baixo), João Costa (Bateria), William Borba ( Guitarra e Vocais), Vicente Lenz (Saxofone) e Luis Dallastra ( Acordeon). Em Porto Alegre, Tati Portella será a convidada especial e Gabi Nogueira em Novo Hamburgo.

Voluntários


Todo o trabalho do projeto tem a musicoterapia como fio condutor e equipe técnica multidisciplinar. As sessões de musicoterapia são focadas no desenvolvimento do grupo, sem deixar de considerar as características individuais de cada participante, por isso, além da equipe técnica, o processo conta com a participação de um grande grupo de voluntários, sendo estudantes ou profissionais da área da saúde, coordenado pela Educadora Musical Dejeane Arruée. "O trabalho desta equipe e de nossos voluntários é parte essencial para o sucesso do processo terapêutico do Projeto." ressalta Grazi Pires - Coordenadora e Musicoterapeuta responsável pelo Projeto.

Foto: Fundo de Apoio a Cultura (FAC) do PRÓCULTURA RS.

Formação e Capacitação


Desde 2020 o Sinfonia recebe alunos de psicologia da Faculdade IENH para estágio curricular e também realiza pesquisas, coordenado pela Musicoterapeuta e Psicóloga Marylea Vargas, com o objetivo de divulgar o projeto e os efeitos da musicoterapia no tratamento do autismo em congressos, seminários e eventos de pesquisa.

Sobre o Sinfonia


A metodologia foi criada em 2015 pela Musicoterapeuta Ana Carolina Steinkpopf, em Brasília e consiste em uma equipe técnica multidisciplinar liderada por um (a) Musicoterapeuta, com auxílio de voluntários que acompanham as crianças e jovens durante todas as sessões. A edição gaúcha se destaca por seus diferenciais e ampliação dos atendimentos para além dos participantes. Uma Sinfonia Diferente RS, é realizado pela Pretas Produções, da dupla 50 Tons de Pretas e tem um caráter social. Atende famílias de baixa renda, e busca tornar acessível às famílias a Musicoterapia, uma vez que essa intervenção tem eficácia cientificamente comprovada com as pessoas com TEA.

Em 2019 foi realizada a 1ª edição do projeto no RS, atendendo 31 famílias. Em 2020 e 2021, devido a pandemia, o Sinfonia migrou para as sessões online, atendendo mais de 40 famílias. Em 2022 o projeto seguiu crescendo e foi realizado em formato híbrido, atendendo 52 famílias. Neste ano, segue com mais de 60 famílias, com sede em POA e NH e ampliando o acolhimento aos pais, com Grupo de Pais, Coral para Pais e projeto de atendimentos individuais de psicoterapia com as estagiárias formandas de psicologia da Faculdade IENH.


SERVIÇO

O QUE: Sinfonia Diferente RS na Estrada – Porto Alegre

DATA: 14 de março

HORÁRIO: 19h30

LOCAL: Teatro Renascença (Av. Érico Veríssimo, 307 - Menino Deus, Porto Alegre)

Entrada franca, mas os ingressos precisam ser adquiridos no Sympla

O QUE: Sinfonia Diferente RS na Estrada – Novo Hamburgo

DATA: 16 de março

HORÁRIO: 19h30

LOCAL: Teatro Paschoal Carlos Magno ( R. Eng. Ignácio Christiano Plangg - Centro, Novo Hamburgo )


Entrada franca, mas os ingressos precisam ser adquiridos no Sympla.

Assessoria de Imprensa: C2 Comunica

Texto: Adriano Cescani e Patrícia Scossi



コメント


bottom of page