Ozonioterapia como alternativa para diversos tratamentos de saúde e estética

Por Lizi Ricco


Entenda o que é, como age e todos os benefícios em casos críticos de saúde em doenças inflamatórias, infecciosas e isquêmicas, prolongando a vida dos pacientes.


Google Imagens

Já ouviu falar em terapia com ozônio? O ozônio é uma forma de oxigênio. Na medicina alternativa, os praticantes de terapia com ozônio usam formas gasosas ou líquidas de ozônio para tratar condições médicas e como desinfetante tópico, além disso também em tratamentos estéticos, como por exemplo em tratamentos capilares para regeneração dos cabelos e diminuição de frizz.


No contexto médico, a terapia de ozônio é utilizada há muitos anos. No entanto, seu uso ainda é controverso e envolve muita desinformação em meio a preocupações de segurança.


Nesta entrevista, com a ozonioterapeuta Mairi Fátima Trecco, vamos trazer uma visão geral da terapia com ozônio, incluindo seus usos, benefícios propostos e possíveis riscos.



Eléve: O que é a ozonioterapia?


Mairi: Ozônioterapia é um tratamento que usa o gás oxigênio após uma descarga elétrica transformando ele de O2 para O3...sendo que somente 5% é convertido em ozônio...ele atua diretamente na oxigenação mitocondrial das nossas células, pois toda doença surge por falta de oxigenação naquela área...assim aumentamos nosso sistema imunológico e promovemos melhora em doenças infecciosas, dores crônicas ou até em tratamentos estéticos. Pode ser aplicado de maneira sistêmica ou tópica com modulações conforme a necessidade e tipo de terapêutica necessária... lembrando que fazemos uso dela como terapia Integrativa complementar... é um conjunto de ações associadas com a ozonioterapia que promove resultados positivos e duradouros... Iniciamos orientando desde o tipo de água utilizada ( preferencialmente alcalina, pois a doença só prolifera em ph ácido), uso de pré e probióticos para cuidarmos da flora intestinal, uso de terapias de led ou ilib modificado atacando radicais livres, enemas e então o ozônio...bem como a retirada de alimentos inflamatórios.


Eléve: Para que é indicada a terapia na estética? E na área de saúde que tipo de patologias podem ser tratadas?


Mairi: O ozônio é um gás oxidativo que em contato com nosso corpo se torna antioxidante promovendo melhora sistêmica em nosso sistema digestivo, pois hoje sabemos a relevância de um bom funcionamento, já que 90% de nossa serotonina é produzida em nosso intestino, considerado nosso 2° cérebro. Em tecido adiposo promove a quebra da molécula de gordura (apoptose)...em feridas oxigenação celular e assim por diante pois responde cientificamente a 360 patologias diferentes.


Eléve: Como age no corpo?


Mairi: Quando o Ozônio entra em contato com o corpo, oxigena todas as células, proporcionando inúmeros benefícios.


*Estimula a produção de enzimas antioxidantes;

*Melhora o metabolismo das hemácias;

*Modula o sistema imunológico;

*Aumenta a produção de ATP (molécula de energia);

*Aumenta a atividade enzimática intestinal…


Além de tudo isso, o ozônio age efetivamente em outras funções biológicas, como na ativação de processos aeróbicos: glicose, ciclo de Krebs, beta-oxidação de ácidos graxos e muito mais…


Eléve: O tratamento com ozonioterapia é reconhecido no Brasil pelos órgãos oficiais de saúde?


Mairi: Apesar de ser uma técnica utilizada desde a 1° guerra mundial, o ozônio tem reconhecimento mundial em seu poder de cura ao ponto que um dos protocolos referência que fazemos uso é o protocolo cubano e seguimos a literatura do Tratado de Madri. No Brasil está regulamento na veterinária e odontologia, no SUS faz pouquíssimo tempo que foi reconhecido, mas na aplicação em estética ainda estamos buscando a regulamentação...temos liberação através da PICs para terapias INTEGRATIVAS desde que sejam profissionais da área da saúde que sejam capacitados em cursos superiores a 120hs que possam atender.


Eléve: Quem são os profissionais habilitados para prática da ozonioterapia?


Mairi: Para procedimentos com ozonioterapia são os respaldados pelos seus conselhos específicos para cada área de saúde... veterinários, dentistas e terapeutas integrativos para estética e saúde com restrição conforme sua capacitação profissional.


Eléve: Quando não é recomendado ao paciente este tipo de tratamento?


Mairi: Como qualquer outro procedimento, após avaliação personalizada temos como restrição principal a enzima G6PD responsável pelo transporte do oxigênio em nosso corpo, na dúvida desta carência um simples exame de sangue nos deixará cientes se podemos ou não prosseguir com o protocolo. Vale ressaltar que todos os protocolos são personalizados conforme cada paciente necessita, pois também temos excelentes resultados em doenças Auto Imunes, Doença do cromossoma 21, Autismo, Alzheimer, Parkinson, Câncer e tivemos até um caso de cura em HIV.

Eléve: Quanto custa em média uma sessão? Existe limite de aplicações?


Mairi: Os valores variam muito. Dependem da via de administração e quantas vias são usadas em um protocolo. Mas dá para se dizer que à partir de R$150.00. Dependendo da patologia pode-se usar por meses, após esse período o organismo entra em platô. Daí sim se dá um descanso e posteriormente se dá outro star. Ozônio pode ser usado por toda a vida. Respeitando seus devidos períodos de tratamento.


Eléve: Existe algum perigo relacionado à técnica?


Mairi: Sim. É um gás que não pode ser inalado e a dose diária deve ser rigorosamente respeitada. Se for usado por profissionais sem qualificação pode levar a morte em poucos minutos.


Eléve: Quais são suas especialidades com a ozônio?


Mairi: Quando se entende a bioquímica do ozônio fica fácil usá-lo em qualquer área patológica ou estética. Então sim eu me sinto confortável em usar em qualquer área, medicinal ou estética.


Eléve: A ozonioterapia no SUS. Ao que se deve a carente oferta da técnica no serviço de saúde pública?


Um grande número de outros países usam largamente no SUS. Aqui no Brasil ainda estamos engatinhando porque para a classe médica ainda é usado para fins experimentais, mas acredito que muito em breve será implantado no SUS por ser um tratamento complementar, seguro, rápido e barato.



Mairi Fátima Trecco tem formação inicial como médica veterinária, atualmente é acadêmica em Biomedicina e exerce a função de ozonioterapeuta em clínicas e estéticas, tem experiência no tratamento de pessoas e animais.


Iniciou seu trabalho como ozonioterapeuta há mais de 2 anos e vem se especializando na técnica, inclusive realizando atendimentos junto ao sindicato dos trabalhadores rurais de Nova Prata.


É umas das criadoras e incentivadoras do Projeto de Lei, apresentado pela vereadora Roseli Albuquerque, que atualmente está em tramitação no município de Nova Prata, no qual o município disponibilizará nos postos de saúde a prática de ozonioterapia. Recurso este oriundo do Ministério da Saúde através do programa PICS ( Política Nacional de Práticas Integrativas Complementares do SUS). Sem custo algum para o município.