Eu preciso do quê?!


Por: Vanessa Campos*

 

Hoje foi uma maratona… sempre é na real. Aquela máxima de “matar um leão por dia”. Confesso que amo viver assim… dias parados são um tanto pacatos para mim.


Agenda cheia, meio dia aquela correria, até uber-mãe eu fiz (minha nova profissão nas horas vagas). À tardinha resolvi que meu intervalo seria num parque de POA para meu exercício diário.

Tempo armando para tempestade, nuvens carregadas, vento forte. Persistência é uma das minhas características principais. Coloquei aquela playlist especial para dar vazão aos meus pensamentos. Caminhando sobre as folhas caídas, pensei: “ E tua vida Vanessa? Anda como? Precisa do quê?



E aí começou a brincadeira dentro da minha mente: se o desejo fosse livre … atemporal, sem lugar, valor… ou coisa qualquer, como responderia a essa pergunta a seguir: De que eu preciso?


Existe uma técnica na psicologia que se chama associação livre. Tu vais pensando sem julgamento, livremente como o próprio nome diz. Deixando a mente fluir.

Compartilho tudo o que pensei com vocês.


Preciso de…

Um final de semana de pijama;

Uma panela de branquinho + 1 colher + Netflix;

Pegar o carro estrada a fora;

Ir no templo budista;

Uma reza forte;

Uma dose de whisky mais forte ainda que a reza;  

Lavar a alma… num mar bem gelado e salgado ou… numa balada dançando até o sol raiar;

Esquecer as mágoas, tormentos, dores e desamores que habitam meu coração;

Preciso do toque doce do meu avó sobre minha cabeça;

Do olhar forte de meu pai que não verei mais;

De ver o sorriso de minha filha feliz em viver;

Do seu bafo quente de dormido - melhor cheiro do mundo

E ainda preciso … sim, acreditem !!!!

Aeroporto lotado;

Rezar para avião não cair;

Caminhar por Paris; se o dinheiro não der, me contento com Buenos Aires ou o bairro  velho de Montevideo;

De pele bronzeada;

Areia fofa e branca;

Milho na espiga com manteiga derretida e bastante sal;

Caipirinha de abacaxi.


Tem vezes que preciso de pouco … outras de muito… mas acho que preciso sempre!!!!

Tá… esqueço isso tudo num beijo teu… até o amanhecer…

E você precisa do quê?!?!


Psicóloga Vanessa Campos