Beba água e seja saudável

Por Luigi Bitencourt


Aposto que você já ouviu aquela frase clichê: “beba muita água para ser saudável”. Com os cachorros essa regra de ouro também funciona, principalmente no verão, onde o clima atinge grandes temperaturas, favorecendo a desidratação, caso o dono se descuide. Então listei quatro dicas para ajudar seu animalzinho a se hidratar e ficar muito mais saudável. Ah! e lembre-se que o dono tem total responsabilidade dessa função na vida do cão, pois ele não pode se virar sozinho.


Foto: Reprodução Instagram @thorpedroso

1. Facilidade

Acredito que você leitor, principalmente naqueles dias de muito calor, já se sentiu com preguiça até para buscar aquele copo d’ água que seu corpo estava pedindo. Pois é, com os cães isso não é diferente. É normal eles ficarem mais desanimados e preguiçosos em dias de calor extremo. Uma dica importante é distribuir pela casa, vários potes ou fontes d’água, a fim de habituar e ajudar seu bichinho.


2- Água fresca é tudo

Nada melhor que uma água bem fresca naqueles dias que o calor está intenso. Então, principalmente no verão, fica a dica de trocar a água do seu pet, pelo menos três vezes ao dia, a fim de deixá-la mais fresca. Também se lembre de lavar o pote, pelo menos uma vez ao dia, a fim de remover gorduras ou saliva do bichinho.


E a última dica de ouro é colocar pedras de gelo para deixar a água levemente gelada. Mas nunca exagere, pois se gelada em demasia pode causar choque térmico.



3 - Maneiras diferentes de se hidratar


Não é apenas de água que se hidrata. Existem várias outras maneiras de forma indireta, de oferecer hidratação para seu dog. Por exemplo, experimente produzir picolés especiais para seu cão. Frutas como maçã e banana ou a própria ração consumida são ótimas opções de recheios no picolé canino.




As rações úmidas também são uma boa opção secundária para favorecer a hidratação, pois elas contêm mais água em sua composição do que as rações secas. Porém nunca substitua na íntegra a ração seca, pois a úmida é apenas um complemento na alimentação.


Nunca é demais lembrar que todo cão possui necessidades individuais, então antes de seguir essas dicas sempre consulte seu veterinário e pergunte sobre a possibilidade de oferecer novos alimentos para seu cãozinho.



4 - Regras de ouro nos passeios na rua


Apesar de ser clichê, para os passeios dos cães, sempre é bom entrar na listinha dos itens fundamentais aquela água fresca. Leve uma garrafa cheia e um potinho para que seu cão consiga se hidratar na hora que sentir vontade. As pets shop também oferecem opções mais práticas para levar para o passeio, tais como: pratos retráteis ou garrafas com suporte, para o cão beber com facilidade.


E lembre-se sempre de ficar atento aos sinais, tais como: como respiração ofegante ou língua para fora, que podem indicar que seu cão necessita de hidratação com urgência. Dê preferência a passeios mais curtos e em horário em que o sol esteja menos intenso. E na dúvida sempre coloque sua mão no chão e teste para ver se não esta quente em demasia.



Autor: *Luigi Bitencourt é um jornalista apaixonado pelo mundo pet.

Para ler mais matérias em sua coluna clique aqui.